domingo, 19 de julho de 2015

Mega Artesanal 2015

A feira de artesanato mais esperada do ano foi sensacional!!! Vamos compartilhar como foi nossa experiência neste parque de diversões do mundo handmade!

Esta foi a 15ª edição da Mega Artesanal, porém a primeira vez do La Vida Fofa participando deste que é considerado o principal evento do setor de artes manuais no país. Ficamos absolutamente maravilhados! Eram 33 mil m² de pura efervescência criativa!

O evento aconteceu de 30 de junho a 5 de julho no São Paulo Expo. Infelizmente, só pudemos estar presentes no sábado #todoschoram. Impossível ver tudo em apenas um dia! Ainda assim, deu pra descobrir muita coisa nas quase 6 horas que passamos por lá!

A feira pulsa!


Algo que chamou muita atenção foi a intensa troca de conhecimento que foi promovida. Cursos e demonstrações aconteciam em todo lugar! Uma variedade enorme de técnicas em madeira, papel, fitas, tecido, confeitaria e por aí vai... Em todo lugarzinho estava acontecendo alguma coisa e dava vontade de parar pra ver! Para escolher entre tantas possibilidades, a Mega disponibilizou um app com todas as informações sobre stands e cursos!


O stand da döhler estava animadíssimo!

Yuji Sato foi um dos instrutores do eduk




Nosso coração bateu forte quando vimos o stand Dremel com sua enorme bancada e várias estações equipadas para aulas! Conhecemos e nos apaixonamos pela Dremel Moto Saw (ou Moto Sonho ), uma belezinha de ferramenta que permite cortar madeira nos mais variados formatos #sonhodeconsumo.





Casa Mega


A Mega Artesanal teve um espaço encantador chamado Casa Mega - Vida em cores, que foi um show à parte! Cada cômodo foi criado por diferentes artistas, mostrando que bom gosto e reutilização podem andar juntos.



Este foi o "Casório em casa", ambiente criado por La Calle Florida e Peter Paiva. Não queremos ser tendenciosos, mas pela quantidade de fotos dá pra sacar qual projeto foi nosso favorito!





Outro ambiente fantástico foi está sala de jantar em papelão criada por Rita Paiva da Revista Make e Ana Morelli.




E essa cozinha vermelhinha?! Foi obra das super simpáticas e talentosas Confeiteiras Arteiras junto com Janaina Suconic.



O banheiro de Flávia Terzi e Dany Bion foi um show de Upcycling!



Usando as Fitas Progresso, Marcos Novak curador do Clube de Artesanato fez este quarto surpreendente!



"Ir à Mega Artesanal e não ver Peter Paiva é como ir à Disney e não ver o Mickey!"


Foi assim que Rosa Arrais, a querida assessora de imprensa do evento, nos apresentou o trabalho de Peter Paiva. Para quem não conhece, Peter é um artista que é referência em saboaria artesanal no Brasil. Empreendedor, criou a própria linha de produtos de qualidade e bom gosto impecáveis. Comprometido em compartilhar o know-how que desenvolveu, possui mais de 18.000 alunos em todo mundo. O carinho por parte de seus admiradores é tão grande que havia uma super fila para cumprimentá-lo!

Peter sendo entrevistado por Michelle Loreto para matéria do Jornal Hoje.

O stand dele estava um sonho! Cada pedacinho tinha um cenário diferente de tirar o fôlego! Uma identidade visual maravilhosa, tudo era coerente nos mínimos detalhes. Até as roupinhas dos vendedores eram geniais! Nos identificamos 100% com o estilo dos produtos, com as frases espalhadas pelo ambiente, com tudo!





Além dos produtos prontos, era possível comprar a linha de matéria-prima para fazer seus próprios sabonetes! Moldes, embalagens, glicerina, aromas, tudo com um preço muito bom #mesmo.


Peter nos recebeu com muito cuidado e atenção, assim como ele fez com todos que lá estavam. Combinamos de bater um papo mais aprofundado em breve para o La Vida Fofa#muitoanimados


Enorme admiração por este artista que cria, ensina e estimula o desenvolvimento de produtos artesanais cada vez mais profissionais. 

Por aqui você não vê crise!


Conhecemos também Rita Mazzoti, diretora da WR São Paulo, empresa que organiza a Mega Artesanal. A alegria de Rita é absolutamente contagiante! Ao ouvir ela falar sobre o evento, dava pra sentir o nível de paixão e entusiasmo com que tudo foi feito.

Rita afirma que o artesanato vai na contramão da crise, sendo ele um hobbie, uma forma de ganhar renda extra ou como atividade principal. Ela explica ainda que o setor de artesanato evoluiu muito nos últimos 10 anos e que o papel da feira é também contribuir para a elevação no nível de qualidade e acabamento dos produtos.

Saímos de lá completamente renovados e preenchidos por uma gigantesca energia criativa coletiva! Foi muito motivador ver tanta gente prosperando fazendo o que ama. Nossa gratidão a todos que tornam possíveis belas iniciativas como esta.


Nenhum comentário:

Postar um comentário